As desventuras do Dr. Bonitão

AS DESVENTURAS DO DOUTOR BONITÃO O melhor emprego que eu já tive na vida foi passar um ano na Inglaterra pesquisando futebol. Escrevi até um livro pra ninguém pensar que fiquei só na arquibancada vendo…

Arrastão em Floripa

ARRASTÃO EM FLORIPA Calma, brasileiros em geral e cariocas em especial. É arrastão de peixe, já explico. A viagem estava maravilhosa. Ele e ela estavam encantados com a ilha de Santa Catarina e estavam levando…

Aonde bate o pandeiro

AONDE BATE O PANDEIRO Meu pai adorava ouvir um LP do MPB4 que fazia um pot-pourri de sambas antológicos. Desde pequeno aquele refrão ficava ecoando: - Laranja madura, na beira da estrada, tá bichada, zé,…

Ainda …

AINDA... Era um adolescente para lá de tímido, com receio de grupos, festas e seres humanos em geral. Sua vida social era mínima. E sua vida amorosa uma utopia. Duas vezes por semana experimentava uma…

A virada da Maré

A VIRADA DA MARÉ Estava parecendo missão impossível. O primeiro Uber disse que lá não ia, porque o aplicativo informava ser área de risco. O segundo Uber foi super-simpático, já tinha trabalhado lá, conhecia tudo…

A sétima falta

A SÉTIMA FALTA Pelas minhas contas, eu faltei sete vezes em trinta e dois anos. A primeira vez foi por um motivo feliz: iria casar no sábado e tinha aula na sexta-feira à noite. Ainda…

A resposta de Bob Dylan

A RESPOSTA DE BOB DYLAN Foi uma paixão que começou na adolescência. Ainda lembro da loja em Ipanema em que comprei aquele LP (procurem no Wikipedia) de capa azul: “Bob Dylan’s – Greatest Hits” com…

A profissão do Julio César

A PROFISSÃO DO JULIO CÉSAR Quando comecei a ir a Acari para fazer meu trabalho de campo eu era visto como uma espécie de E.T. Considerado branco histórica e sociologicamente, professor, de classe média, morador…

A pedagogia do café

A PEDAGOGIA DO CAFÉ O que fazer? Era uma turma absolutamente maravilhosa. Além do engajamento ativo em sala de aula e da leitura atenta dos textos, eles e elas eram indagadores, criativos e muito inteligentes.…

A libertação

A LIBERTAÇÃO Finalmente eu podia olhar o azul do céu. Finalmente eu podia reparar em cada árvore, nos frutos, nos pássaros. Finalmente eu podia voltar a conversar olhando olhos nos olhos. Finalmente eu podia sentar…

A inglória batalha do pequeno hippie

A INGLÓRIA BATALHA DO PEQUENO HIPPIE Além de jogador de futebol, camisa dez da Gávea, queria ter sido hippie, sem tomar banho durante semanas, deixar meu cabelo crescer livremente, usar roupas coloridas e largadas. Fazer…

A imaginação no poder

A IMAGINAÇÃO NO PODER Eu lembrava direitinho da recomendação da professora de Didática: sempre demonstrem entusiasmo pela matéria. Só que havia um princípio meu, para lá de simples: a relação com os alunos não pode…